terça-feira, 31 de março de 2009

VIA RÁPIDA

As horas que antecedem todos os minutos que nos ultrapassam,
São como vias rápidas infinitas para um mundo de espectáculo.
Surpresas constantes em pensamentos hesitantes de ideias.
Nesta mente que nocturna fraqueja criam-se mutantes adormecidos,
Que perdidos vagueiam nesta ponte, nunca só, de sentidos.

3 comentários:

Isa disse...

:)
Muito bom, hugo!
Lindo.

Duma disse...

Também gostei muito... menino curioso!! ;)

Sensatus disse...

Em uma busca despretendida por algo além das expectativas, encontrei seu Blog, e por que não, encontrei você. Já me sinto em casa. Gostei de tudo... Abraços